A processo de transformação global

Estações-AnoÉ notável para todos que algo profundo está acontecendo em nosso planeta.

São inúmeras situações que nos fazem questionar o que, de fato, está acontecendo conosco? Na realidade estamos passando por uma mudança muito profunda, que afeta a todos, indistintamente e inevitavelmente.

Este tipo de mudança já aconteceu antes, mas há muito tempo, antes mesmo dos registros da nossa história moderna. Estamos falando de um ciclo muito longo, com mais de 4 milhões de anos. Fazendo um paralelo com o nosso ano terrestre, que é dividido em 4 estações, este grande ciclo também é dividido em 4 “estações” ou Eras, cada Era com uma característica e qualidade diferente, assim como as estações.

Atualmente estamos entre uma Era e outra e como toda transição, estamos sentindo os desafios inerentes a qualquer processo de mudança.

Isto ocorre por que estamos saindo da uma Era onde a nossa consciência e a nossa conexão eram muito limitadas. Basicamente vivemos toda a nossa história conhecida na consciência da separação: separação de nós mesmos, da nossa verdade, separação do outro, do mundo e, em última instância, de Deus.

Essa consciência é responsável pelas guerras em nosso mundo, pela ganância, egoísmo, individualismo, dúvida e medo, muito medo permeando tudo e todos.

Estamos entrando agora em uma Era onde a consciência predominante é a chamada “Consciência da Unidade”, onde voltamos a nos integrar conosco, com a nossa verdade, com o próximo, com o mundo e com Deus, independente de religião. Por isso temos visto uma grande procura por caminhos de auto-conhecimento, por um sentido maior para a vida, por uma conexão interior mais profunda.

Comparando novamente com as estações do ano, seria como se estivéssemos passando direto do inverno para o verão! Ou seja, um contraste muito grande! De uma Era de separação total para uma Era de unidade total!

Sendo assim, é impossível ir de uma para a outra sem uma fase de transição, transformação e adaptação.

O fato é que a Terra e todos nós estamos recebendo uma intensidade de Luz e Consciência que a muuuito tempo não se via por aqui. Mas aí você pode me perguntar: como tanta Luz pode gerar tanta tragédia e caos?!

Respondo fazendo um outro paralelo: qual sombra é mais intensa? A sombra gerada por uma vela ou a sombra gerada por um holofote? Seguindo este raciocínio, a sombra gerada por um holofote é bem mais intensa, assim como a sombra que estamos vendo atualmente surgir em nossas vidas, na vida de nossos familiares, conhecidos e também em nossa sociedade.

Crises das mais diversas “pipocando”: Crises existenciais, crises de relacionamento, crises profissionais, crises governamentais, crises e mais crises vindo à tona. Por que? Para que estas questõoes sejam vistas, integradas e curadas!! Não é mais possível “empurrar com a barriga” ou “para debaixo do tapete”, como se diz.

Só assim, tomando consciência de tudo isso, transformando nossas vidas de forma que ela traduza melhor nossa verdade. Resgatar nossa integridade e colocar em ação nossos talentos e dons inatos. Apenas passando por este processo vamos entrar e desfrutar desta nova consciência que está cada vez mais disponível para todos.

Crescemos aprendendo que “temos que” suprir as expectativas dos nossos pais, familiares, da nossa sociedade, da nossa cultura e agora estamos nos deparando com as NOSSAS expectativas e a nossa verdade. Quem sou eu? O que vim, de fato, fazer aqui? Qual o propósito de tudo isso? Onde está a minha felicidade? São algumas questões que esta transição nos coloca.

E a resposta, só o coração de cada um pode dar. Este orgão que foi denegrido e visto por nossa cultura como uma simples “bomba de sangue” mas que está, graças às avançadas pesquisas científicas, retornando a seu lugar de direito, um orgão que possui neurônios, um campo eletromagnético mais forte do que o cérebro, tem capacidade de decidir, de aprender de achar soluções e está conectado a inteligência universal. Ou seja, ele é, na realidade, nosso verdadeiro mestre interior!

Nos conectarmos ao nosso coração é o caminho para descobrir nossa verdade, descobrir o que nos faz vibrar!

A boa notícia é que o caminho está aberto, basta um pequeno passo para que os resultados comecem a aparecer!

Está feito o convite!

Gratidão

Rajany

Comentários

Deixe um comentário